Início

Se o destino for alcançável de moto
nós iremos lá!

Webmail Área Reservada

Passeio ao Cabo Norte

Em Julho de 2015, eu e minha mulher Cristina, depois de um ano de planeamento de toda a logística da viagem,realizamos uma das mais icónicas viagens que qualquer motociclista gostaria de fazer, alcançar o NORDKAPP (Cabo Norte) em moto.

Cerca de 13.000 kms, atravessando 9 Países em 22 dias, tudo planeado ao minuto, hotéis, postos de abastecimento, ferries marcados com muita antecedência, visualização de todas as estradas através do GoogleMaps.

Saímos do Porto pelas 2h30 da manhã do dia 18/07 e chegamos ao Nordkapp no dia 25/07, com paragem de dois dias em Estocolmo para conhecer a cidade.

Uma viagem de sonho para qualquer motociclista, poder atravessar o Circulo Polar Ártico e, o deserto da Lapónia, na profunda Finlândia.

Escrevemos um livro com todo o relato descritivo e, fotográfico desta memorável viagem. Envio as mais icónicas fotos (há muitas mais)

A esfera armilar do Nordkapp que marca o ponto mais a Norte da Europa, a chegada ao Nordkapp e a estrada dos Trolls na Noruega.

Um abraço

Rui Magalhães (sócio 240)

Espaço dos Sócios

Castelsardo SardenhaConta-nos como foi!

A partir de janeiro de 2021, havendo ajuda da vossa parte, iremos incluir uma nova rúbrica no nosso site e no boletim mensal. Para tal, precisamos que nos enviem textos e fotos das vossas viagens para publicar no site e um resumo desse mesmo texto com 2/3 fotos mais significativas para publicar no boletim.

Dando o «pontapé de saída» no novo “espaço” para os sócios, deixo este mês um pequeno texto sobre a minha viagem à Córsega e Sardenha. Ora cá vai…(por Rui Carvalho e Castro, presidente da Direção e sócio nº 29)

Depois de decidir qual o destino aproveitei o inverno para decidir os locais que queria visitar, idealizar o trajeto e, em função disso, procurar alojamentos. Como em qualquer viagem com partida de Portugal há sempre a necessidade de atravessar Espanha e França, pelo que aproveitei para escolher cidades que ainda não conhecia, para visitar à ida e no regresso; Burgos e Aranda del Duero, em Espanha, Tarbes e Foix, em França, foram as escolhidas e merecem uma visita mais prolongada. Ferry com dormida de Marselha para l’Île Rousse e entrei no mundo mágico das estradas corsas! De norte a sul, de leste a oeste, a fazer a costa…, um verdadeiro paraíso para arredondar pneu (até a passageira gostou) e com paisagens deslumbrantes! Passando à Sardenha mais do mesmo mas menos “comprimido” (a Sardenha tem uma área bastante maior que a Córsega); no sul cheguei a fazer uma estrada que me lembrou alguns vales em Marrocos 😊. Ambas as ilhas têm paisagens fantásticas (tanto na montanha como na costa), praias fabulosas de areia dourada e mar azul turquesa (com a água sempre acima dos 28º) e cidades muito interessantes. Não posso deixar de salientar Bonifacio, Sartène, Calvi, Corte, Les Calanches e o Cap Corse na Córsega; Alghero, Castelsardo, Orgosolo, Stintino, o Arquipélago de La Maddalena e o Capo Caccia na Sardenha. Se pudesse ainda por lá andava a romper pneu com a GS 😊!

Agora… palavra aos sócios!

Ficamos à espera das vossas histórias em Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar. !